Agenda

Exame toxicológico reduz acidentes nas estradas

Em 2016, o número de mortos e inválidos teve uma redução de 39%

Nada menos que 25 mil acidentes deixaram de ocorrer nas Rodovias Federias em 2016, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal. Em todo o país, o número de mortos e inválidos caiu de 100 mil para 61 mil, uma redução de 39%. Essa queda foi causada, em grande parte, pela lei que obriga os motoristas profissionais a realizarem o exame toxicológico de larga janela, o chamado “exame do cabelo”, que foi uma inovação no sistema viário brasileiro.

Pela lei 13.103, que entrou em vigor em março de 2016, todos os motoristas das categorias C, D e E são obrigados a fazer o exame na renovação ou adição de categoria na carteira nacional de habilitação. Segundo estudo do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES), em 2016 as mortes no trânsito caíram 21,06% no país comparado a 2015.