Transportes

Iveco transporta caminhões 100% sobre pranchas

Transporte por pranchas reduz os custos, agiliza a entrega além de mais seguro e econômico

A Iveco transporta seus caminhões por pranchas desde o início das atividades no Brasil em 1997. No ano 2000, inaugurou a fábrica de caminões em Sete Lagoas, que é considerada a mais moderna do país. Exemplo mundial de eficiência pelo seu alto nível de flexibilidade produtiva, a planta demandou investimentos de R$ 570 milhões.

A unidade responde pela fabricação de caminhões Iveco leves, semipesados, pesados e micro-ônibus, além de comerciais leves da marca Fiat. A fábrica situa-se numa área de 2,35 milhões de metros quadrados, dos quais ocupa, atualmente, 600 metros quadrados.

“Transportar veículos por meio de prancha reduz os custos, os riscos de danos ao veículo, agiliza a entrega e traz mais segurança e economia para o cliente.

Estas vantagens agradam ao cliente, pois recebem o veículo realmente em estado de zero quilometro”  – afirma a assessoria de imprensa da Iveco.

Realmente são grandes as vantagens do transporte sobre pranchas, começando pela segurança, a agilidade na entrega e economia, afinal quem compra um caminhão “OK” quer receber conforme comprou – estado de zero! Imagine você comprar um caminhão zero quilômetro em São Paulo e morar em Fortaleza/CE. O transporte desse veículo rodando vai ter um tremendo desgaste com risco de avarias além da alta quilometragem.

Referência global em eficiência e tecnologia

Inaugurada em 2000, a fábrica de caminhões da Iveco em Sete Lagoas é a mais moderna do país. Exemplo mundial de eficiência, pelo seu alto nível de flexibilidade produtiva, demandou investimentos de R$ 570 milhões. A unidade responde pela fabricação de caminhões Iveco leves, semipesados, pesados e micro-ônibus, além de comerciais leves

da marca Fiat, sendo a sua capacidade produtiva de 70 mil veículos por ano. A fábrica situa-se numa área de 2,35 milhões de metros quadrados, dos quais ocupa, atualmente, 600 mil metros quadrados.