Sinaceg

Prevenção ao uso de drogas nas estradas e rodovias do país

Associados e motorista estiveram presentes

    Os cuidados e a preocupação com o uso de drogas nas estradas é uma preocupação constante do SINACEG. Desta vez os associados e motoristas da Transauto estiveram presentes na palestra de prevenção ao uso de drogas, alcoolismo e celular ao volante, ministrada por Milton Mussini.

    Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas), em geral, o consumo de drogas causa cerca de meio milhão de mortes anuais. Uma das classes que mais utiliza drogas entorpecentes é a dos caminhoneiros. O uso é tão disseminado que, de acordo com o Ministério Público do Trabalho, quase um terço dos caminhoneiros dirige sob efeito de drogas pesadas. Entre as drogas mais consumidas pela classe está a anfetamina, popularmente conhecida como “rebite”, que ajuda a reduzir a sensação de fadiga ao acelerar o funcionamento do cérebro.

Da esquerda para direita José Luiz, Milton Mussini, Márcio Galdino e Júnior

    “Apesar de proporcionar uma falsa sensação de estímulo e bem-estar, as consequências do uso dessas substâncias podem ser irreversíveis para a saúde”, comenta Mussini.

    Com o objetivo de melhorar a segurança no trânsito, em março de 2015 foi sancionada a Lei Federal 13.103, também conhecida como Lei do Caminhoneiro, que tornou obrigatório o exame toxicológico para a emissão ou renovação da carteira de motoristas nas categorias C, D e E.

    O intuito das palestras é levar informação atual e real sobre o que acontece nas estradas e rodovias brasileiras, motivando todos a se preocuparam e a zelarem pelo maior motivo de todos estarem nessa vida: A VOLTA PARA CASA COM SEGURANÇA. Sua família o espera!

Palestrante Milton Mussini expõe os perigos e consequências das drogas