RADAR

Novo Polo chega em setembro

A Volkswagen informa que o Polo nacional chegará aos concessionários dia 1º de setembro. Como já ocorre com a versão europeia, o modelo é produzido sobre a plataforma MQB, a
mesma utilizada pelo Golf. Essa versão deverá competir com os modelos como Ford Fiesta, Honda Fit e as configurações mais caras do Peugeot 208 e Citroën C3.

03-revista-cegonheiro-sinaceg-radar

Cai tarifa de importação

O governo reduziu de 2% para zero as tarifas de Impostos de Importação para 4.903 máquinas, equipamentos e produtos de informática que não são fabricados no País. Eles serão usados em projetos de investimentos que somam U$$ 3,1 bilhões. De acordo com

os dados do Ministério da Indústria e Comércio Exterior e Serviços (MDIC), dos produtos beneficiados com tarifa zero 4.552 são bens de capital e 351 são bens de informática e telecomunicações.

Renault investe R$ 750 milhões

A Renault do Brasil vai investir R$ 750 milhões na ampliação da fábrica de motores e na construção de uma nova unidade no complexo de São José dos Pinhais/PR. Será a quarta fábrica do grupo no local, onde também são produzidos automóveis e comerciais leves. Paralelamente, a empresa está contratando cerca de 600 funcionários para operar no terceiro turno de produção, iniciado há três meses, quando 700 vagas foram abertas. Hoje o complexo emprega 6,3 mil pessoas.

02-revista-cegonheiro-sinaceg-radar

Indústria avança 0,5% no semestre

O avanço de 0,5% na produção industrial no primeiro semestre de 2017 interrompeu uma sequência de seis semestres de quedas, segundo os dados da Pesquisa Industrial Mensal divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O

resultado foi o melhor para um primeiro semestre desde 2013 quando houve avanço de 3,5%.

Primeira picape média da Mercedes-Benz chega em 2019

A Mercedes-Benz apresentou a versão da Classe X, sua primeira picape média. O modelo, que terá quatro versões, estreia no Brasil no início de 2019. Inicialmente, a picape será lançada na Europa no final deste ano. No Brasil, a versão de entrada deverá custar R$ 200 mil e a mais completa, cerca de R$ 300 mil.

01-revista-cegonheiro-sinaceg-radar

Cresce o roubo de cargas

O Estado de São Paulo vive uma epidemia de roubo de cargas. O crescimento desse tipo de crime foi 23% nos primeiros seis meses deste ano em comparação a igual período do ano passado, o maior aumento registrado em um primeiro semestre desde 2004. Em números reais e absolutos, eles saltaram de 4.398 para 5.417. O crescimento de junho,

de 19% ante o mesmo mês de 2016, é o 13º consecutivo – a maior sequência de altas desse tipo de crime desde 2009. Além dos roubos de cargas, os roubos em geral tiveram leve alta no Estado com 161.819 registros no semestre. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública.