Mercedes-Benz é a grande vencedora do Prêmio Lótus 2020

Com a conquista de um terço dos 24 troféus em disputa, a Mercedes-Benz foi a grande vencedora do Prêmio Lótus 2020, uma das principais premiações de veículos comerciais do Brasil. A Empresa foi destaque em oito categorias entre caminhões, ônibus e comerciais leves, que foram avaliadas no levantamento organizado pela Editora Frota, baseando-se nos dados de emplacamento do Renavam de 2019.

Além de “Marca do Ano em Caminhões” pela quarta vez seguida, a Mercedes-Benz, após 13 anos, também ficou com o título de “Marca do Ano em Caminhões Leves”. Com a Linha Sprinter, são três conquistas: “Marca do Ano em Caminhões Semileves”, além de “Minibus do Ano” com a van Sprinter e “Caminhão Semileve do Ano” com a Sprinter 415. No segmento de ônibus são três prêmios: “Marca do Ano em Chassis de Ônibus” e também nas categorias de Urbanos e Rodoviários. Dessa forma, a Mercedes-Benz reafirma sua posição de maior vencedora nesta tradicional premiação.

“O Prêmio Lótus reflete a realidade do mercado, ao destacar as vendas de acordo com os emplacamentos do Renavam. Por isso, os números, que nos posicionam na liderança de várias categorias, atestam efetivamente a ampla preferência dos clientes pela Mercedes-Benz. Isso é motivo de orgulho, satisfação e alegria para nossos colaboradores, concessionários e os demais parceiros com quem trabalhamos diariamente com foco central na satisfação dos clientes da marca”, diz Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil.

DAF inaugura concessionária em Marabá

O Grupo Disbrava inaugura sua segunda concessionária DAF Avanthy Caminhões localizada na cidade de Marabá, no estado do Pará. Além do amplo espaço de showroom e box para serviços, o local está preparado para o atendimento pós-venda. Estrategicamente localizada na Rodovia BR 230 (Transamazônica) KM 07.

Para a DAF caminhões o objetivo da inauguração é abranger o território nacional de forma assertiva e com qualidade na prestação dos serviços. O Pará, considerado o segundo maior estado do território nacional, conta com mais de 1,2 milhão de metros quadrados. “Com forte atuação na mineração, pecuária e agricultura, a região conta com mais de 200 indústrias, como siderúrgicas (ferro) e fabricação de telhas e tijolos. O estado tem uma demanda de aproximadamente 3.000 caminhões por ano, sendo 30% modelos extrapesados”, afirma Adcley Souza, Diretor de Desenvolvimento de Concessionárias da DAF Caminhões. Portanto, estar presente em mais de uma região é fundamental para o sucesso da operação.

Com mais de 1.400 metros de área construída, em um terreno com 7.000 metros quadrados, a nova unidade conta com tecnologia de ponta e profissionais treinados pela DAF Academy. Para garantir um atendimento ágil, foram instalados seis boxes de serviços para manutenção de veículos. “Como a região possui alta demanda, atender o nosso cliente de forma personalizada e rápida é essencial para otimizar o trabalho de quem passará por aqui. Estamos muito felizes com a nova unidade que foi idealizada para abranger o sudeste do estado”, explica Júlio Cezar de Oliveira Filho, diretor geral.

O Brasil tem mais de 14 milhões de diabéticos

De 2008 a 2018 o diagnóstico da doença cresceu 24% entre os brasileiros de 18 anos ou mais. Segundo levantamento da IDF (Internacional Diabetes Federation), o Brasil tem cerca de 14 milhões de diabéticos, ficando em 4º lugar no mundo em números de portadores. Segundo o professor da USP Daniel Alan Costa as mudanças de hábitos alimentares são fundamentais para reduzir sintomas e controlar a doença. Vejam abaixo os 10 cuidados e alimentos importantes para reduzir os sintomas da doença:

  1. Estudos mostram que adotar uma rotina alimentar com horários regrados é um dos principais benefícios para amenizar os sintomas da doença.
  2. No caso de diabetes infantil os mesmos cuidados devem ser tomados. A mudança de hábitos deve incluir toda a família, pois as crianças se espelham nos adultos.
  3. O ponto mais delicado quando falamos de diabetes é sem dúvida a ingestão de açúcar, que deve ser moderada. Prefira sempre açúcar de malte, açúcar mascavo, alcaçuz, anis, malte de cevada ou mel. Refrigerantes e bebidas industrializadas que possuem grandes quantidades de açúcar devem ser evitados.
  4. Diabéticos devem restringir o consumo de carboidratos de cadeia simples, como arroz branco, macarrão, pão branco e substituir, por exemplo, por arroz, macarrão e pão integrais.
  5. Batata baroa, batata doce e Inhame são fontes de carboidratos mais complexos e que ajudam a controlar os níveis glicêmicos, retardando a absorção da glicose.
  6. Proteínas e gorduras não podem faltar, assim como alimentos ricos em fibras.
  7. Abacate, farinhas funcionais (banana verde, berinjela, linhaça e chia), alimentos ricos em ômega 3 como o salmão, sardinha, atum e anchova, além de leguminosas são importantes aliados da alimentação.
  8. Outra alternativa são os alimentos funcionais. Um exemplo é o gengibre, que fortalece o sistema digestório e é um poderoso anti-inflamatório.
  9. O Blueberry, ou mirtilo como é mais conhecido aqui, é um excelente alimento por conter taninos, além de ser antioxidante e proteger os capilares sanguíneos e a visão, e é indicado para prevenir as complicações do diabetes, em especial as oculares. Na falta do mirtilo é possível substituir pelo consumo de amora ou pitanga.
  10. Maxixe, vagem, tanchagem e berinjela fortalecem a energia do elemento Terra da Medicina Chinesa, elemento este que quando em desequilíbrio pode levar a essa enfermidade.

“O acompanhamento médico é fundamental para monitorar toda a evolução do tratamento, mas vale ressaltar que as práticas integrativas como acupuntura, fitoterapia, aromaterapia e meditação têm trazido excelentes resultados no controle desta enfermidade”, finaliza Alan.